Mitigação de Riscos

Confira 5 acidentes domésticos mais comuns e como preveni-los

acidentes domésticos
Escrito por Eusebio Garcia

Acidentes domésticos, infelizmente, são bem comuns. Algumas pessoas não dão a devida importância para preveni-los e muitas até desconhecem alguns riscos aos quais estamos expostos o tempo todo, como os relacionados a produtos de limpeza e outros elementos que podem causar intoxicação.

As principais vítimas desses acidentes são as crianças de até nove anos. Elas desconhecem o perigo que alguns produtos e objetos podem representar e, por falta de medidas de segurança por parte dos adultos, acabam se acidentando.

Os idosos também estão mais propensos a acidentes domésticos, como quedas e queimaduras, demandando um cuidado especial para que sua integridade física seja preservada.

Veremos, a seguir, como ocorrem alguns acidentes domésticos e algumas dicas de como evitá-los. Vamos lá?

1. Intoxicações

Alimentos com data de validade vencida, remédios, produtos de limpeza e de higiene pessoal podem causar intoxicação, principalmente em crianças. Elas são muito curiosas e não sabem como manuseá-los corretamente.

Evite deixar esses produtos ao alcance dos pequenos, mesmo que apenas visualmente, pois eles podem escalar para alcançá-los, o que pode provocar uma queda.

Também é importante tomar os devidos cuidados em relação aos idosos. Por não terem mais uma visão perfeita, podem confundir frascos e usar — ou até mesmo ingerir — os produtos de maneira inadequada.

2. Quedas

Quedas são uma das maiores causas de acidentes domésticos. Podem ocorrer com crianças que amam escalar tudo que veem pela frente, e com idosos, principalmente devido a escadas sem corrimão ou pisos escorregadios.

Adultos também não estão imunes. Tarefas de manutenção doméstica, como troca de lâmpada e limpeza de calhas, são causas frequentes de queda. Tapetes também podem causar quedas, principalmente se posicionados sobre pisos encerados e próximos a escadas.

Para evitar esses acidentes é importante que a escada seja adequadamente equipada com antiderrapante, corrimão e, para garantir a segurança de crianças, travas de acesso. Em caso de reparos domésticos, use sempre os equipamentos de proteção necessários ou peça a ajuda de um profissional.

3. Queimaduras

Álcool, isqueiros e fósforos são perigosos e podem causar queimaduras graves, principalmente em crianças que estão em idade de querer explorar tudo. Também é preciso ter muito cuidado com idosos que têm acesso a fogão e eletroportáteis, por exemplo. Acidentes nesses contextos, infelizmente, são bastante comuns.

Procure manter produtos químicos e acendedores bem longe do alcance de crianças. Deixe sempre os cabos das panelas virados para dentro quando estiver cozinhando e tome muito cuidado com equipamentos como torradeiras e sanduicheiras em funcionamento sobre a bancada — elas atingem altíssimas temperaturas e também podem causar acidentes.

Em relação aos idosos, certifique-se de que eles são capazes de utilizar os equipamentos da cozinha com segurança.

4. Choques elétricos

Os choques elétricos, que podem ocorrer em reparos domésticos ou devido a falhas nas instalações elétricas, são muito graves e, dependendo da intensidade, podem causar a morte imediata da vítima. Portanto, é muito importante evitar que esse tipo de acidente aconteça.

Não deixe fios desencapados ou soltos dentro de casa ou no quintal. Coloque protetores nas tomadas que estejam ao alcance de crianças.  Desligue a energia quando for trocar lâmpadas e instalar chuveiros e outros equipamentos elétricos. Sempre retire os aparelhos da tomada após utilizá-los.

5. Afogamentos

O perigo dos afogamentos não está só em banheiras e piscinas. Crianças pequenas também podem se afogar em baldes e bacias com água. Evite esses acidentes mantendo banheiras sempre vazias e a piscina muito bem tampada.

Não deixe recipientes cheios de água se forem grandes o suficiente para uma criança mergulhar a cabeça.

6. Outros acidentes domésticos

Artefatos cortantes e pontiagudos, objetos que podem ser engolidos ou sufocar as crianças, sacolas plásticas que possam caber na cabeça dos pequenos, plantas venenosas e até mesmo alguns brinquedos podem causar acidentes. Por isso, é importante estarmos sempre atentos e tomar as medidas de segurança necessárias para evitá-los.

Mesmo sendo muitos os acidentes domésticos que podem ocorrer, podemos encontrar meios eficientes de tornar o nosso lar um ambiente mais seguro. Podemos reduzir os riscos tomando as providências corretas e deixar as pessoas que amamos muito mais protegidas.

Gostou deste artigo? Tem alguma dica ou sugestão para compartilhar ou gostaria de tirar alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Sobre o autor

Eusebio Garcia

Deixar comentário.

Share This