Seguros

Rede Referenciada: Você sabe o que é uma?

rede referenciada
Escrito por Eusebio Garcia

A maioria das empresas, quando contrata um serviço de saúde para os colaboradores e gestores, não sabe bem qual modalidade está escolhendo. Existem tipos e coberturas diferentes e, se a empresa não fizer a escolha certa, pode pagar mais e não ter os serviços necessários prestados. Por exemplo: já ouviu falar de rede referenciada?

O ideal é fazer uma boa pesquisa sobre planos de saúde, cooperativas de saúde e seguros-saúde para descobrir qual alternativa se enquadra melhor às necessidades da empresa, atendendo adequadamente os colaboradores.

No caso de hoje, vamos nos apoiar no seguro e plano que funciona por meio de uma rede referenciada. Aproveite para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e faça a escolha certa!

O que é uma rede referenciada?

Também conhecida como rede credenciada, a rede referenciada representa um sistema que engloba os prestadores de serviço na área da saúde, que podem ser pessoas físicas ou jurídicas, para entregar um atendimento médico-hospitalar aos segurados ou beneficiários e seus dependentes.

Enquanto um plano de saúde é mais determinante sobre quais médicos, clínicas e hospitais o beneficiário pode ser atendido, o seguro é mais flexível e dá o direito de escolha ao segurado, que, se tiver preferências, terá suas solicitações atendidas. É aí que entra a questão da rede referenciada.

O seguro saúde deixa você escolher onde e por quem quer ser atendido, mesmo que o estabelecimento não esteja incluído na rede. Ele tem uma certa limitação geográfica e pouca limitação de profissionais e estabelecimentos, realizando o pagamento das despesas médicas-hospitalares ou reembolsando o segurado, caso ele pague as consultas e exames. No plano de saúde, o reembolso só é autorizado em casos excepcionais.

Para que serve a rede referenciada?

Existem vantagens consideráveis para quem usa a rede referenciada disponibilizada pelo seguro saúde. Entre eles, podemos destacar os principais:

  • se você tem o hábito de visitar uma clínica, consultório, laboratório ou hospital e quiser continuar sendo atendido pelo estabelecimento, tem essa possibilidade;

  • muita gente já se acostumou com um médico em particular e não quer ser atendido por outro — isso é bom para o acompanhamento de históricos de saúde do paciente e pode ser continuado com a rede referenciada;

  • ​consultas, exames e outros procedimentos médicos podem ser reembolsados ao segurado, caso pague o atendimento por conta própria em um estabelecimento fora da rede.

Como funciona a rede referenciada?

Quando você opta por um plano de saúde, o atendimento é feito mediante os critérios e limitações das operadoras. Mas no caso do seguro saúde, a rede referenciada é mais uma opção que uma obrigação ao segurado.

Ou seja: se for atendido dentro da rede referenciada não haverá reembolsos, pois, a seguradora identifica o estabelecimento ou profissional e autoriza a consulta ou exame, repassando o pagamento de forma direta.

Por outro lado, se preferir ser atendido por uma clínica ou médico fora da rede referenciada, poderá pagar o valor, como se fosse um atendimento particular, e o seguro vai reembolsar o pagamento mais tarde. Nesse caso, é bom que fique atento à tabela de reembolsos do seu seguro, pois, ele terá seus valores limitados de acordo com alguns critérios.

Também existe a modalidade de coparticipação, onde o segurado arca com parte dos custos e despesas médicas. Mas é bom verificar bem essa opção, pois, se os valores forem muito altos, pode não compensar.

Agora que você já sabe o que é uma rede referenciada e como o atendimento dos colaboradores da empresa pode ser impactado por ela, avalie a possibilidade de contratar um seguro-saúde em vez de um plano. A flexibilidade no atendimento deve deixá-loa mais satisfeitos.

E você, tem um plano ou seguro saúde na empresa? Conte para a gente nos comentários!

Sobre o autor

Eusebio Garcia

Deixar comentário.

Share This