Seguros

O que avaliar antes de contratar um seguro contra incêndio

seguro contra incêndio
Escrito por Eusebio Garcia

Entenda o que avaliar na hora de contratar o seu seguro contra incêndio.

Acidentes acontecem — e muitos deles ocorrem mesmo com toda a precaução possível.

Um dos tipos mais comuns de acidentes são os incêndios, que causam grandes prejuízos em pouco tempo e infelizmente podem ocorrer a qualquer momento por falhas elétricas ou por outras causas.

Por isso é importante que você tenha um seguro contra incêndio na sua empresa para minimizar os danos financeiros caso seja surpreendido por esse problema.

Neste post selecionamos algumas informações sobre o assunto.

Continue a leitura e saiba o que deve ser avaliado antes de contratar um seguro contra incêndio.

Como funciona o seguro contra incêndio?

Em caso de incêndio você deverá entrar em contato imediatamente com a corretora responsável pelo seguro (apólice), que comunicará a seguradora que fará a avaliação da extensão dos prejuízos e estimará o valor da indenização a ser recebida.

Esta avaliação é tanto para reparos quanto para reconstrução do local.

Vale lembrar que há um limite máximo estipulado na apólice de ressarcimento, ao qual você deverá ficar atento no ato da contratação.

Como contratar um seguro contra incêndio?

A contratação é feita em uma corretora de seguros devidamente habilitada pela SUSEP.

No ato serão estabelecidas as coberturas da apólice dentro das necessidades e riscos. Alem da cobertura básica (Incêndio, Explosão e Fumaça), o seguro incêndio disponibiliza coberturas acessórias como Damos Elétricos, Vidros, …etc.

Alem também da assistência 24 horas em caso de problemas.

O que devo avaliar na contratação do seguro contra incêndio?

Uma dúvida comum é saber se, de fato, a contratação do seguro contra incêndio está sendo vantajosa ou quais detalhes devem ser vistos para assegurar que você está contratando um bom serviço.

Veja o que você deve avaliar para fazer a melhor aquisição:

Confira os riscos que estão dentro da cobertura do seguro

É importante que você avalie com cuidado o que faz parte da cobertura do seguro contra incêndio.

A empresa vai especificar quais riscos geram o ressarcimento do prejuízo.

Normalmente o seguro cobre situações como desmoronamento, impossibilidade de remover o bem danificado, custos derivados das providências para sanar o incêndio etc.

Mas nem tudo está incluído. Normalmente não são cobertos casos de incêndios gerados por furto e roubo, inundação, entre outros.

Alguns itens que ficam dentro da empresa também podem não ser cobertos pelo seguro, principalmente aqueles que possuem valores consideravelmente altos. Para isso é necessário incluir uma cobertura extra.

Avalie a cláusula de rateio

A cláusula de rateio é quando o valor segurado (ou seja, aquele previsto em contrato) é menor do que o valor real do bem assegurado.

Nesses casos você terá que arcar com os valores que ultrapassarem essa quantia.

Por isso é importante verificar essa cláusula de forma que a diferença entre esses dois valores não seja demasiadamente alta — e que venha a comprometer seriamente as finanças do negócio em caso de problemas.

O ideal é informar o valor real de reconstrução do imóvel para que não haja essa diferença.

Tome cuidado com o valor segurado

Ao informar o valor do bem que entrará no seguro, deve-se levar em consideração que o custo de reconstrução de um imóvel danificado é maior que o seu valor comercial.

Muitas vezes esse valor inclui os custos de demolição, remoção de entulhos, compra de material, entre outros.

Por isso você deve sempre informar o valor de reconstrução do seu patrimônio, e não o seu valor comercial.

Entenda as diferenças de valor de acordo com o tipo de construção

Quanto maior o risco de incêndio, maior o valor do seguro a ser pago — e isso envolve também o tipo de construção. Se o seu estabelecimento é feito de material que tem maior combustão, o valor final será encarecido.

E então, conseguiu entender o que avaliar antes de contratar um seguro contra incêndio? Restou alguma dúvida sobre o assunto? Deixe um comentário!

Sobre o autor

Eusebio Garcia

Deixar comentário.

Share This